Motivos Para se Apaixonar pela Scarlett Johansson

Esses dias eu tava vendo uns trabalhos da atriz e percebi que ela é muito mais do que a Viúva Negra – personagem que ela interpreta nos filmes da Marvel – e que muita gente não sabe disso. Então, hoje eu vou ajudar essas pessoas a verem que ela tem muito mais coisa bem-feita, compilados em uma lista de personagens ~favoritos~ para você se apaixonar ainda mais por ela!

HER

HER

Esse filme começa na lista exatamente para mostrar que ela não é só uma carinha bonita, com lábios carnudos e um corpão.

Ela somente fala durante o filme e mesmo assim te prende e te emociona de uma forma maravilhosa. Sério, ela não aparece nenhuma vez e faz o personagem principal e você se apaixonarem pela Samantha, que praticamente faz da história a coisa interessante que ele é, tudo isso sendo um software.

LOST IN TRANSLATION

lost-in-translation-karaoke

É um dos meus filmes favoritos e a atuação da Scarlett lhe garantiu uma indicação ao Globo de Ouro, e não foi à toa. A história conta um breve período da vida de duas personagens, como elas se ligam e tudo mais. É o melhor final de filme de todos os tempos.

UNDER THE SKIN

under-the-skin-under_the_skin_stills-193711_rgb

Esse filme é louco: Ele não se explica sozinho e a atuação dela ajuda muito nisso. Mas isso não é uma coisa ruim! Ele é bem diferente dos filmes que tenho visto ultimamente. Ainda mais dos que têm pessoas famosas assim como papel principal.

Apesar de ser bem confuso, ela seduzir os caras e ser praticamente sem emoções compõe a personagem de uma forma que, no final, você acaba entendendo mesmo sem entender. Ficou confuso, né? Por isso indico que você assista o quanto antes e tenha seu próprio ponto de vista sobre ele. Vale a pena! E olha que ter ela completamente nua não é o que mais te chama a atenção!

VICKY CRISTINA BARCELONA

peno

Dirigido por Wood Allen, ele é um filme interessantíssimo sobre a visão dos relacionamentos, amor e paixão. A Scarlett como sempre está linda [alerta de spoiler] e em uma das cenas em que contracena com Penelope Cruz, as duas lindas se beijam apaixonadas. Woody Perva Allen nos garantiu uma das melhores cenas lésbicas da atualidade, perdendo apenas praquela cena da piscina de “Wild Things” e, talvez, pro beijo no parque de “Cruel Intentions”.

LUCY

134023

O filme tem uma teoria muito boa em relação à evolução dos humanos e o que eles seriam capazes de fazer caso usassem 100% da capacidade cerebral, e a evolução dela mostrando isso é maravilhosa, indo de uma pessoa com medo até virar uma ~entidade~ foda. Deus deve ser tipo ela no final do filme.

BÔNUS: ELA CANTANDO <3

Não é um personagem dela, mas também é um ótimo motivo para você se apaixonar por ela. Além dela cantar a música tema de Her durante o filme, ela já lançou dois álbuns ~Indie~ que são muito gostosinhos de ouvir.

O melhor álbum da Scarlett, na minha opinião, é o primeiro (Anywhere I lay My Head) que é uma homenagem que ela fez pra Tom Waits e com participação de David Bowie. Ele foi alvo de críticas pelos fãs do cara e muitos insinuavam que era tudo autotune e edição, maaas a diva gravou em seguida uma seção ao vivo pra AOL onde mostrou seu talento e porque fez jus ao merecido Tony Award. A minha faixa preferida do álbum foi escrita por ela, chama-se “Song for Jo”:

AOL Session:

Ela pode não ser a melhor atriz ou cantora do mundo, mas com certeza ela vai além uma mulher fodona em um blockbuster. Mas ó, mesmo assim ela é maravilhosa, tá?

*com colaboração de Thiago Rodrigues

Comentários do Facebook

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *